Mesmo na pandemia, Brasil tem maior emissão de carbono em 14 anos

Mesmo na pandemia, Brasil tem maior emissão de carbono em 14 anos

Mesmo na pandemia, Brasil tem maior emissão de carbono em 14 anos

😡 Os índices ambientais no Brasil são tão ruins com o atual governo que o presidente Jair Bolsonaro sequer teve coragem de participar da COP 26, conferência da ONU sobre mudanças climáticas realizada no fim de 2021.

🌎 O país teve em 2020 seu maior volume de emissões de carbono desde 2006, ficando mais longe de uma das metas da COP26, a chamada neutralidade de carbono – reduzir ao máximo as emissões e compensar o restante com tecnologia e reflorestamento.

Só que esse aumento aconteceu mesmo com a pandemia de Covid-19, quando grande parte da população ficou muito tempo em isolamento social (sem usar carros), a quantidade de voos caiu pela metade e o transporte de bens pelas estradas também foi reduzido (já que a indústria nacional também ficou muito tempo parada ou teve que reduzir sua produção).

🏭 Na contramão do mundo, graças a Bolsonaro o Brasil aumentou as emissões de gás carbônico na atmosfera. A média mundial caiu cerca de 7% em 2020, mas aqui houve alta de 9,5% em comparação a 2019.

🔥 A principal causa do aumento é o desmatamento, cada vez mais descontrolado e até estimulado por um governo que há pouco tempo tinha um ministro do Meio Ambiente envolvido diretamente no tráfico de madeira ilegal.

Proteger o meio ambiente é proteger a vida. É essencial!

#EssencialÉAVida