Desde 2019, casos de violência doméstica contra mulheres estão aumentando

Desde 2019, casos de violência doméstica contra mulheres estão aumentando

Desde 2019, casos de violência doméstica contra mulheres estão aumentando

🤥 Entre as prometidas de Jair Bolsonaro durante sua eleição (que ele sabia que não iria cumprir) estava a diminuição da violência. Como de praxe, sua promessa não foi cumprida. Pelo contrário, a violência aumentou desde sua posse. As mulheres estão entre as principais vítimas.

😤 Segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, uma em cada quatro mulheres com mais de 16 anos sofreu algum tipo de violência doméstica no país em 2021, totalizando 17 milhões de vítimas.

👎 No primeiro ano de Bolsonaro no poder (2019), os casos já haviam aumentado 27%.

☠ Em 2020, 1.350 mulheres foram vítimas de feminicídio, um aumento 0,7% em relação ao ano anterior, e número de chamadas para a Polícia Militar por violência doméstica para o 190 subiu 16,3%.

Por estar no cargo mais alto da política brasileira, o discurso e as práticas machistas de Bolsonaro (as grosserias e agressões verbais sempre ocorreram com mulheres) garantem um tipo de ‘empoderamento’ para homens machistas.

Coisa de quem não considera que o essencial é preservar a vida.