Com “liberou geral” Brasil permite agrotóxico que dizima abelhas

Com “liberou geral” Brasil permite agrotóxico que dizima abelhas

Com “liberou geral” Brasil permite agrotóxico que dizima abelhas

☠ O governo de Jair Bolsonaro aprovou uma quantidade recorde de novos agrotóxicos no Brasil, boa parte com uso proibido na Europa e nos Estados Unidos.

☢ Entre eles estão os neonicotinoides, substâncias semelhantes à nicotina que matam insetos. Entre setembro e dezembro de 2020, o Brasil foi o destino de 58% do total mundial desse tipo de agrotóxico.

💀 Um levantamento da ONG Repórter Brasil mostrou que apenas entre dezembro de 2018 e fevereiro de 2019 mais de 500 milhões de abelhas morreram em quatro estados brasileiros, sendo o contato com agrotóxicos a principal causa dessas mortes.

🌄 Principais polinizadoras da maioria dos ecossistemas do planeta e facilitadoras da reprodução de diversas espécies de plantas, as abelhas têm tido sua existência ameaçada em diversas partes do mundo, com sua preservação sendo uma das principais preocupações dos ambientalistas atualmente.

Só não é preocupação do governo Bolsonaro, para quem a vida não é essencial.

#EssencialÉAVida